Metalheart

Welket Bungué

Um corpo cheio de marcas do passado, cicatriza mágoas do passado e esconde perdas vivas. Aqui pulsa um coração invulnerabilizado pelo ruído, ferro e torção. Hoje as nossas fronteiras estão mais limitadas do que nunca. Quem são os confinados/as, quem decide quem pode entrar e fazer parte ou não?! Devemos lidar com a migração como se fosse um cadáver envenenando a nossa mansuetude, ou é uma pergunta real que o capitalismo imperialista ocidental evita a todo o custo responder? A questão é: você está disposto/a a  encarar esta premissa (anti)ética?

Créditos
Criação: Welket Bungué
Produção: Kussa Productions, Welket Bungué
Agradecimentos: Kristin Bethge, Stephan Curry
Seleção Oficial XXIV AFRIKA Filmfestival – YAFMA COMPETITION (Bélgica, Outubro 2020)

Detalhes

Data exibição:30 Outubro
Autor:Welket Bungué
Curador: Jean-François Chougnet
Ano:2020
Duração:7′

Obras na mesma Sessão: